Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

Posição do Congresso e desrespeito de Flavio Dino mostra que impeachment dele pode estar próximo

Durante a sessão da Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados que deveria ouvir o ministro de Lula, Flávio Dino, os deputados se revoltaram com a covardia do ministro, que não compareceu, mesmo tendo sido convocado. Vários parlamentares lembraram que a conduta configura crime de responsabilidade nos termos da lei. 

O deputado Coronel Assis apontou:

“A partir do momento em que a pessoa está nessa função, ela tem, sim, a obrigação de vir aqui, ou para ser aplaudida ou para ser criticada. Isso faz parte do jogo. Agora, se o Ministro da Justiça e Segurança Pública acredita ou tem certeza de que está acima do bem e do mal e acima dos preceitos constitucionais, realmente a República do Brasil tornou-se uma república de bananas e nós estamos indo para o fundo do poço”.

Coronel Assis lembrou que o Parlamento tem responsabilidade de fiscalizar os outros poderes e disse:

“Com certeza, o Ministro Flávio Dino deve ser responsabilizado e tem que trazer respostas aqui, mas tudo dentro de um índice de respeitabilidade, porque ele está como Ministro da Justiça, então é empregado do povo, deve satisfação ao povo, e nós somos a representatividade do povo brasileiro”. O deputado Gilvan da Federal, por seu turno, defendeu a responsabilização do ministro, apontando o crime de responsabilidade, e lembrou: “Nós somos representantes do povo, e o povo brasileiro quer satisfação sobre muitas coisas que esse Ministro diz e faz”. 

Gilvan da Federal disse:

“Eu iria provar que esse Ministro é um mentiroso, acobertado por boa parte da imprensa. O Ministro da Justiça Flávio Dino é um mentiroso. Eu iria provar isso olhando na cara dele. É uma pena ele não estar aqui, porque eu iria olhar nos olhos dele e dizer que ele é um mentiroso, um canalha, um covarde. E não estou falando isto porque ele não está presente. Está aqui no meu discurso. Eu iria provar que ele é um mentiroso”. 

O deputado lembrou diversos eventos envolvendo o ministro, inclusive o “passeio” no Complexo da Maré, e disse: “Ele pediu autorização, sim, ao Comando Vermelho. Mentiroso, canalha, covarde!”.

Gilvan da Federal fez um apelo: “Faço um pedido a todos aqui que exercem liderança nos seus Estados. Se o Ministro Flávio Dino for indicado por esse ladrão traidor da Pátria para ser Ministro do STF, chegará o momento, aliás, já terá passado o momento de nós convocarmos o povo para ir às ruas, porque esse cara, primeiro, tem que ser responsabilizado pelos seus crimes, e não ir para o STF. 

Nós não podemos… Não só os Deputados, o povo brasileiro, nós temos que ir para as ruas. Esse cara não pode ser Ministro da Justiça, quanto mais Ministro do STF”.

Com Informações: https://aldirdantas.com//via Jornal da Cidade Online

Categoria: Notícias