Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

OPORTUNIDADES / Uema: seletivo para professores substitutos tem inscrições abertas até 1º de maio

Confira os detalhes dos locais de vaga e acesso para as inscrições.

Reprodução

 

Universidade Estadual do Maranhão (Uema) anunciou a abertura de Processos Seletivos destinados à admissão de Professores Substitutos em diversas áreas. As inscrições para esses processos estarão disponíveis de a partir desta terça-feira (23) e seguem até o dia 01 de maio (quarta-feira).

 

O processo seletivo simplificado destina-se à contratação de Professores Substitutos para diferentes campi e departamentos da Uema. As vagas incluem oportunidades em áreas como Letras, Ciências Humanas e Ciências Exatas.

 

Segue abaixo um resumo das vagas disponíveis:

 

Campus São Luís (Paulo VI):

 

  • 02 Vagas – Licenciatura em Química ou Licenciatura em Ciências com habilitação em Química com especialização em Química ou Ciências ou Ensino de Ciências e Matemática. 

 

Campus Santa Inês:

 

  • 01 Vaga – Graduação em Letras, com especialização em Língua Portuguesa 

 

Campus Coelho Neto:

 

  • 01 Vaga – Graduação em Pedagogia, com especialização em Educação 

 

Campus Bacabal:

 

  • 01 Vaga – Graduação em Letras Licenciatura em Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Literaturas com especialização em Letras ou Teoria Literária, ou Literaturas de Língua Inglesa.  

 

Campus Presidente Dutra:

 

  • 01 Vaga – Graduação em Letras Licenciatura em Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa ou Letras Licenciatura em Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Literaturas ou Letras Licenciatura em Língua Portuguesa, Língua Espanhola e Literaturas, com especialização na área de Língua Portuguesa ou Linguística. 

 

  • 01 Vaga – Graduação em Letras Licenciatura em Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa ou Letras Licenciatura em Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Literaturas ou Letras Licenciatura em Língua Portuguesa, Língua Espanhola e Literaturas, com especialização na área de Letras ou Literatura ou Libras. 

 

Para se candidatar, é necessário possuir graduação e titulação específica na área correspondente à vaga desejada, conforme estabelecido nos documentos de seleção.

 

Os professores selecionados deverão cumprir carga horária de 20 a 40 horas semanais, com remuneração mensal variando entre R$ 2.447,55 e R$ 6.718,85, dependendo da carga horária e titulação.

 

As inscrições devem ser realizadas exclusivamente online, por meio do site https://concursoseseletivos.uema.br/, dentro do período mencionado, mediante o pagamento de taxa de inscrição no valor de R$ 100,00.

 

A validade dos processos seletivos será de 12 meses, a contar da homologação do resultado final, com possibilidade de prorrogação por igual período.

 

Para mais informações sobre os processos seletivos, incluindo detalhes sobre os editais e campi, os interessados podem consultar o site oficial da Uema.

 

Esteja atento aos prazos e requisitos específicos de cada processo para garantir sua participação nessas oportunidades de trabalho na área acadêmica oferecidas pela Uema.

 

Com Informações: https://oimparcial.com.br/via Ascom/Uema

Luciano Hang anuncia construção do maior prédio do mundo

O edifício residencial será erguido por Luciano Hang em Balneário Camboriú, em Santa Catarina, e se chamará Triumphu Tower

A construtora FG Empreendimentos anunciou, no dia 18 de abril, que firmou uma parceria com o dono da Havan, o empresário Luciano Hang, para construir o prédio mais alto do mundo. O edifício residencial será erguido em Balneário Camboriú, no litoral norte de Santa Catarina, e se chamará Triumphu Tower.

Segundo informações preliminares, o prédio terá 509 metros de altura e 154 andares. Ainda não há previsão de quando as obras terão início, mas o lançamento do empreendimento deve ocorrer no segundo semestre de 2024. Seria essa uma tentativa de chegar à altura do Burj Dubai, que possui mais de 800 metros, situado nos Emirados Árabes Unidos?

Objetivo de Luciano Hang

O Triumphu Tower deve assumir o lugar do Steinway Tower, localizado em Nova York, considerado atualmente o edifício residencial mais alto do mundo, de acordo com o ranking internacional do The Skyscraper Center.

Com Informações: https://www.metropoles.com

CAXIAS EM DESTAQUE: Ex-aluna do IFMA Caxias é aprovada em três mestrados

Geovanna Nayra da Rocha Souza foi aprovada na UFMA, UFGD e UEPG.

A ex-estudante do curso de Matemática do IFMA Campus Caxias, Geovanna Nayra da Rocha Souza, foi aprovada em três programas de Mestrado em instituições públicas de ensino. A mais recente aprovação ocorreu no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em São Luís. Antes disso, Geovanna já havia obtido aprovação nos programas de Ensino de Ciências e Matemática, pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), em Mato Grosso do Sul, e em Ensino de Ciências e Educação Matemática, pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), no Paraná.

 

Em um relato emocionado, Geovanna expressou a sua imensa felicidade por alcançar essas conquistas e destacou a influência positiva do ensino de excelência que recebeu no IFMA Campus Caxias. “Durante o curso, tive a oportunidade de aprender com professores dedicados e incentivadores, que sempre me encorajaram a buscar novos objetivos”, afirmou. Ela mencionou alguns desses professores, como a sua orientadora, a professora Cecília Regina Galdino Soares e os professores Fernando da Costa Gomes, Fabiano Macedo de Oliveira, além de outros docentes que a inspiraram ao longo de sua jornada acadêmica. “Foi uma honra fazer parte desta instituição de ensino”, concluiu Geovanna.

 

O professor Fernando, coordenador do curso de Licenciatura em Matemática, expressou imenso orgulho ao saber das conquistas acadêmicas da Geovanna. “É extremamente gratificante ver nossos alunos alcançando sucesso em suas jornadas acadêmicas. Geovanna é um exemplo do comprometimento e dedicação que os nossos estudantes possuem. Estamos felizes por ter contribuído de alguma forma para o seu crescimento e sucesso profissional”, afirmou. Ele destacou ainda que a aprovação em três mestrados demonstra a qualidade do ensino oferecido pelo IFMA Campus Caxias e a capacidade dos alunos em enfrentar desafios acadêmicos de alto nível.

Com Informações: https://noca.com.br

CAXIAS URGENTE: Froz Sobrinho aplica pena de suspensão a Aurino Rocha, do Cartório de Caxias

Punição por extorsão, coação e sonegação de valores a fundos do Judiciário é de 90 dias, passível de prorrogação por mais 30 dias, devido à gravidade da conduta do delegatário.

 

O corregedor-geral de Justiça do Maranhão, desembargador José de Ribamar Froz Sobrinho, aplicou a pena de suspensão ao delegatário Aurino da Rocha Luz, titular do 1º Ofício da Serventia Extrajudicial de Caxias.

 

A decisão foi proferida na sexta-feira (19), na conclusão de um processo administrativo disciplinar instaurado de ofício pela CGJ (Corregedoria-Geral de Justiça) com objetivo de apurar irregularidades cometidas pelo delegatário por extorsão, coação e sonegação de valores a fundos do Judiciário.

 

A suspensão imposta por Froz Sobrinho é de 90 dias, mas pode ser prorrogada por mais 30 dias, devido à gravidade da conduta de Aurino Rocha.

A decisão tem efeito imediato.

Com Informações: https://noca.com.br/via Atual7

Lula tirou mais dinheiro do brasileiro que qualquer outro presidente

A arrecadação do governo federal com impostos, contribuições e outras receitas superou os 190 bilhões de reais em março deste ano, um aumento significativo de 7,22% em comparação com o mesmo período do ano anterior, que registrou 177,7 bilhões de reais.

Este marco é notável, pois representa a maior arrecadação para um mês de março desde o começo da série histórica em 1995.

No acumulado do primeiro trimestre de 2024, a arrecadação federal já ultrapassou os 660 bilhões de reais, refletindo um crescimento real de 8,4% em relação ao mesmo período do ano passado, estabelecendo um novo recorde histórico segundo os dados da Receita Federal.

O aumento na arrecadação é atribuído principalmente à retomada da cobrança integral de impostos sobre combustíveis, resultando em um ganho real de 20,6% no PIS/Pasep e Cofins, totalizando cerca de 40 bilhões de reais, impulsionado sobretudo pela tributação do óleo diesel e da gasolina.

Adicionalmente, a tributação sobre fundos exclusivos, introduzida como medida para equilibrar as contas públicas, gerou uma receita de 3,38 bilhões de reais.

A arrecadação da Receita Previdenciária alcançou 53 bilhões de reais, com um aumento real de 8,40%, estimulado por um crescimento de 7,90% na massa salarial, já ajustada pela inflação.

Houve também um incremento de 11% nas compensações tributárias relacionadas a débitos de receita previdenciária em comparação com março de 2023.

O governo mantém o foco nos contribuintes como meio de ajustar o desequilíbrio entre receitas e despesas. No entanto, o objetivo de eliminar o déficit primário neste ano parece incerto, apesar dos sucessivos avanços na arrecadação.

No ano de 2023, o país enfrentou um déficit primário de 230,5 bilhões de reais, um resultado apenas superado pelos números registrados durante a pandemia.

Para o ano corrente, estima-se que a equipe econômica precisará incrementar a receita líquida em aproximadamente 280 bilhões de reais para equilibrar as contas.

Com Informações: https://terrabrasilnoticias.com

A doença senil do esquerdismo

Vladimir Lenin in Soviet fine art (PICS)

 

Por: 

Em 1920, o líder soviético Vladimir Lênin publicou um livro intitulado “Esquerdismo: a doença infantil do comunismo”, criticando os comunistas ingleses e alemães que rejeitavam a participação no parlamento e a negociação com partidos liberais e social-democratas. Cem anos depois, e em condições históricas muito diferentes, a começar pelo desmonte da União Soviética e dos países do chamado “socialismo real”, parte da esquerda brasileira padece de outra enfermidade: a doença senil do esquerdismo. Prisioneira de ideias e conceitos ultrapassados pelas profundas transformações tecnológicas, econômicas e sociais que o mundo vem passando, a esquerda senil continua estatista e voluntarista (o Estado pode tudo, e gastar à vontade), protecionista, numa economia altamente globalizada e integrada em torno de cadeias de valor, e com ignorância e desprezo pela eficiência econômica e pelos limites fiscais. A isso se agrega o imediatismo e o assistencialismo com arroubos populistas, introduzindo gambiarras que estão longe de atacar as causas centrais das enormes e persistentes pobreza e desigualdades sociais do Brasil.  

 

Um dos intelectuais desta esquerda, o sociólogo Emir Sader, escreveu recentemente que a América Latina tem os únicos grandes líderes mundiais na luta contra o neoliberalismo e, para espanto geral, citou Nícolás Maduro, Lula da Silva, os Kirschners, Daniel Ortega e Evo Morales. Ele não citou Petros e despreza Gabriel Boric, jovem presidente do Chile que tem tido posições políticas compatíveis com o mundo contemporâneo, precisamente porque ele critica as ditaduras ditas de esquerda, condena a invasão da Ucrânia e ainda ousou questionar o discurso anacrônico de Lula em defesa de Maduro. Na semana passada, em visita a Pequim, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, afirmou que a China é uma “democracia efetiva”, adjetivo que ela inventou para adornar o regime chinês com partido único, imprensa estatal, controle e repressão da imprensa (ver relatório da ONG Repórteres sem Fronteira), filtros das redes de informação, como Wikipedia, através do chamado “escudo de ouro”, censura de sites e blogs, restrição à liberdade de expressão.   

 

Esta esquerda senil continua pensando que a Rússia e a China são comunistas e modelos para o mundo, com uma simpatia incompreensível pelo capitalismo oligárquico e o autoritarismo de Putin. E que os governos desastrosos e destrutivos da Venezuela e da Nicarágua são socialistas e exemplos de democracia; quando Nícolás Maduro esteve no Brasil, Lula defendeu o sistema político da Venezuela que, segundo ele, era uma democracia, mesmo com a manipulação das eleições, a prisão dos opositores, a censura à imprense e o desrespeito aos direitos humanos. Assim, não apenas ignora a História, de acordo com a sua conveniência, mas também desconhece ou esconde fatos e dados do presente. O presidente Lula da Silva, que tem o mérito de ter salvado o Brasil da ameaça golpista de Jair Bolsonaro, é o principal líder desta senilidade político-ideológica. Mais naquilo que diz, do que faz, é verdade. E, principalmente, na política externa, com um certo atavismo antiamericanista (Estados Unidos e até a Europa social-democrata seriam símbolos da perversão da humanidade) que o leva a jogar o Brasil num dos lados da polarização geopolítica global liderado pela China. Para eles não existia um imperialismo soviético e não existe hoje um expansionismo russo. Com esta cegueira cognitiva, a esquerda senil defende ditaduras que violam os direitos civis e os direitos humanos. No caso mais recente, o Brasil se absteve na votação das resoluções do Conselho de Direitos Humanos da ONU que estendiam o prazo de investigações sobre crimes de guerra cometidos pela Rússia na Ucrânia e sobre violações dos direitos de mulheres, crianças e minorias pelo Irã desde 2022. 

 

Paradoxalmente, a esquerda brasileira que envelheceu adora copiar as novidades políticas inventadas pela classe média e pelos liberais norte-americanos, como as lutas identitárias, típicas bandeiras do liberalismo na defesa dos direitos civis e do respeito às diferenças. Neste aspecto, a esquerda está correta porque estes movimentos são justos e representam avanços civilizatórios. Mas o faz de forma exacerbada, quase como a grande prioridade política do Brasil, e ignorando que a defesa dos direitos humanos e do respeito à diversidade dos movimentos identitários são bandeiras típicas do liberalismo, precisamente o que mais a esquerda senil critica, responsabilizando por todos os males da humanidade. Ao mesmo tempo em que defende, corretamente, os direitos humanos dos brasileiros, o governo brasileiro da esquerda senil defende e apoia os regimes que agridem e desrespeitam os direitos humanos; ao mesmo tempo em que contribui para a consolidação da democracia brasileira, o governo e o PT aliviam e protegem as ditaduras ditas de esquerda. 

 

Para construir o futuro, a esquerda brasileira precisa se livrar do saudosismo atávico da guerra fria e do nacionalismo terceiro-mundista do século passado, do estatismo e voluntarismo e da sua contraparte, o populismo.  Terá que estudar e entender as grandes mudanças tecnológicas e geopolíticas da globalização e assumir com coerência os valores democráticos e civilizatórios. Deve combinar a defesa dos direitos humanos e do respeito à diversidade do liberalismo com políticas e projetos estruturadores de mudanças da sociedade, para além do assistencialismo. Para isso, vai precisar de um Estado eficiente e competente, e terá que apostar numa reforma profunda desse Estado, que está totalmente apropriado pelas corporações, por interesses das oligarquias e dos estamentos burocráticos e pelos lobbies econômicos. É pedir demais.  

Com Informações: https://revistasera.info

Barroso diz que a legalização das drogas é tendência mundial

O ministro explicou a empresários qual é o julgamento sobre tema que está em andamento no STF

 

Por: Leiliane Lopes

Luís Roberto Barroso Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, afirmou nesta segunda-feira (22) que a legalização das drogas mais leves é uma tendência mundial que vem sendo adotada pelos países em todo o mundo. Na explicação do ministro, o “modelo repressivo” não conseguiu impedir o aumento do tráfico, nem do consumo de drogas.

 

Ao palestrar na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Barroso comentou sobre o julgamento do STF sobre a quantidade de drogas que uma pessoa poderá portar para uso próprio e explicou que a legislação brasileira não pune o uso, apenas o tráfico e que a falta de uma legislação que separe a duas coisas tem levado muitos para prisão.

 

– Nada, na minha visão, justificaria a prisão pelo porte pessoal para consumo. E o legislador acabou com a prisão do porte pessoal para o consumo, mas manteve a criminalização do tráfico – disse o presidente do STF.

 

Barroso diz que a falta desse entendimento jurídico faz com que um jovem pego com 40 gramas de maconha na zona sul do Rio de Janeiro, seja posto em liberdade ao ser considerado como usuário, enquanto que um jovem negro pego com a mesma quantidade de drogas na periferia carioca seja preso como traficante.

 

– Portanto, a mesma quantidade é tratada com pesos diferentes pela polícia, e o que o Supremo está discutindo não é descriminalização, não é a não prisão, porque isso já foi decidido. O que o Supremo está decidindo é qual a quantidade que vai distinguir traficante de usuário para que essa escolha não seja feita pela polícia por critérios discriminatórios – defendeu.

Com Informações:https://pleno.news

 

SEGUE LÍDER: Fiat Strada chega a meio milhão de unidades da atual geração

Modelo vendido hoje foi revelado em 2020

Lançada em 1998, a Fiat Strada é um dos modelos mais longevos e também um dos mais vendidos da marca, figurando constantemente como o veículo mais vendido do Brasil. A picape foi a líder de emplacamentos por três anos consecutivos (2021, 2022 e 2023), além de liderar em sua categoria há 21 anos.

A Fiat anunciou que a Strada acaba de alcançar o marco de meio milhão de unidades produzidas desde a chegada ao mercado de sua segunda geração, em junho de 2020, ou seja: em menos de 4 anos. Na ocasião, a Fiat Strada passou por grandes mudanças e trouxe a inédita configuração de cabine dupla com quatro portas homologada para cinco passageiros. Considerando todas as gerações anteriores, já são mais de 2,250 milhões de unidades produzidas

Avaliação Fiat Strada Ranch 1.0 T200 CVT 2024

Com novo design, novas suspensões, maior altura do solo e ângulos de entrada (de até 24º) e saída de obstáculos (até 28º) entre os melhores do segmento, a nova geração da picape se baseou na plataforma MPP, dedicada exclusivamente ao desenvolvimento da nova picape.  

Seguindo o desenvolvimento da picape, em 2021, A Fiat apresentou a inédita Strada com transmissão automática CVT, sendo a primeira com este tipo de câmbio na sua categoria no Brasil. Já no ano passado passou a contar com ainda mais novidades na linha 2024 com mais performance com novo motor turbo flex, mudanças no design e a nova versão Ultra, topo de linha. Vale lembrar que a Fiat Strada, sempre fabricada em Betim (MG), também é exportada para Uruguai, Paraguai e Argentina

“Juntas, Strada e Toro fazem da Fiat a referência como a marca que mais entende de picapes no Brasil com cerca de 40% do segmento atualmente. E isso é fácil de explicar já que a Strada sempre trouxe ineditismo para o mercado. Para citar apenas alguns exemplos, temos cabine estendida, Locker, cabine dupla, 4 portas, câmbio CVT e motor turbo, ou seja, não é possível falar do segmento sem comentar sobre ela que é um grande case de sucesso do setor.”, destaca Alexandre Aquino, vice-presidente da Marca Fiat para a América do Sul. 

Com Informações:https://motor1.uol.com.br

Lula diz que país não deve “depender eternamente” de Bolsa Família; VEJA VÍDEO

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta segunda-feira (22) que não quer que o país seja “eternamente” dependente do programa Bolsa Família.

A fala de Lula aconteceu durante o lançamento de um programa, batizado de Acredita, para reestruturar parte do mercado de crédito. Um dos eixos do programa refere-se à implementação de microcrédito para cidadãos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), mulheres e pequenos produtores rurais.

O que está acontecendo hoje não é apenas um novo anúncio de política de crédito, o que está acontecendo hoje é a demonstração de que nós voltamos para governar este país, para ver se a gente transforma este país num país definitivamente desenvolvido”, afirmou Lula em cerimônia no Palácio do Planalto.

E completou: “A gente não quer um país de gente muito rica e gente muito pobre. Se possível, a gente quer um país em que você tenha uma classe média sustentável, que tenha um padrão de vida digno, decente, com escola, com cultura, com salário, em que as pessoas possam jantar no restaurante no fim de semana, almoçar, que elas possam fazer uma viagem. É esse país que nós sonhamos. Nós não queremos um país que eternamente dependa de um Bolsa Família, que eternamente dependa de um vale-gás”.

E completou: “A gente não quer um país de gente muito rica e gente muito pobre. Se possível, a gente quer um país em que você tenha uma classe média sustentável, que tenha um padrão de vida digno, decente, com escola, com cultura, com salário, em que as pessoas possam jantar no restaurante no fim de semana, almoçar, que elas possam fazer uma viagem. É esse país que nós sonhamos. Nós não queremos um país que eternamente dependa de um Bolsa Família, que eternamente dependa de um vale-gás”.

VEJA O VÍDEO:

 

Com Informações: https://terrabrasilnoticias.com