Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

Estudo com IA consegue ressuscitar proteínas de hominídeos extintos

Por Redação Galileu

Bioengenheiros fizeram uso da inteligência artificial (IA) para trazer de volta dos mortos proteínas de neandertais e denisovanos. A ideia era que, com algoritmos, os pesquisadores pudessem identificar em moléculas “extintas” o potencial de matar bactérias causadoras de doenças. O estudo foi publicado na Cell Host & Microbe.

A pesquisa partiu de uma preocupação atual. O desenvolvimento de antibióticos diminuiu nas últimas décadas, e a maioria dos medicamentos desse tipo prescritos hoje está no mercado há mais de 30 anos. Enquanto isso, o número de bactérias resistentes a antibióticos – as chamadas “superbactérias” – está aumentando. Ou seja: precisaremos de novos tratamentos em breve.

Muitos organismos produzem peptídeos, subunidades de proteínas curtas que possuem propriedades antimicrobianas. Assim, as moléculas de espécies extintas primas do ser humano moderno, como os hominídeos neandertais e denisovanos, poderiam abrir novos caminhos para o desenvolvimento de antibióticos.

“Fomos motivados pela ideia de trazer de volta moléculas do passado para resolver problemas que temos hoje”, afirma Cesar de la Fuente-Nunez, coautor do estudo, em entrevista à revista Nature. “A ideia surgiu de Jurassic Park. Em vez de trazer os dinossauros de volta à vida, como os cientistas fizeram no filme de 1993, por que não recuperar as suas proteínas?”.

Com Informações: https://revistagalileu.globo.com

Categoria: Notícias