Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

SINPROESEMMA INICIOU ONTEM (06/03 ) GREVE POR TEMPO INDETERMINADO PELA VALORIZAÇÃO DA CATEGORIA.

O Sinproesemma deu início nesta segunda-feira, 06, a greve por tempo indeterminado da categoria dos trabalhadores em educação em todo o Maranhão. A greve em São Luís teve início com um ato público que teve concentração na Praça Joãosinho Trinta, centro da capital, onde os professores saíram em caminhada até o Palácio dos Leões.

Com palavras de ordens, faixa e cartazes os educadores reivindicam a valorização da categoria, pois o governo do Maranhão além de não pagar o piso salarial nacional da categoria, está negando o reajuste salarial dos trabalhadores em educação que tem data-base em janeiro e este ano está fixado em 14,95%, conforme Portaria Interministerial do MEC, a Lei do Piso e o Estatuto do Educador.

“O governo do Maranhão ataca os direitos dos trabalhadores em educação quando desrespeita as leis, tanto a federal quando a estadual. Além de negar o nosso reajuste, o governo do Estado mente quando propaga na mídia que já paga o piso salarial da nossa categoria. Quem desrespeita as leis é o governo do Maranhão, portanto, Brandão é um fora da Lei”, pontuou Raimundo Oliveira, presidente do Sinproesemma.

 

Negociação

Na sexta-feira, 03, a comissão de negociação do Sinproesemma esteve reunida com o vice-governador e secretário de educação, Felipe Camarão, onde o secretário apresentou uma contraproposta de 10% de reajuste para a categoria e em duas parcelas, 5% retroativo a janeiro e os outros 5% a partir de julho.

A proposta de 10% de reajuste foi prontamente rejeitada pela comissão de negociação e corroborada pela categoria por estar longe do percentual ratificado pelo MEC.

“O governo apresentou uma contraproposta rebaixada a exemplo da primeira de 10% que foi rejeitada pelos trabalhadores em educação, pois não corresponde ao reajuste de 14,95% estabelecido pelo MEC. A nossa luta é pela valorização na carreira dos educadores e não vamos abrir mão do que é nosso por direito. Seguiremos lutando, firmes e com unidade para sairmos vitoriosos dessa batalha”, destacou Oliveira.

Mobilização em todo o Maranhão

Os educadores estão mobilizados em todo o Estado do Maranhão. Nesta segunda-feira, 06, os educadores de todas as regionais e núcleos do Sinproesemma pelo Maranhão realizaram atos públicos cobrando valorização.

A greve geral por tempo indeterminado segue com uma intensa agenda de mobilização pelo Maranhão. Em São Luís, nesta terça-feira, um novo ato público está agendado para a Praça do São Francisco, a partir das 15h.

Todos os educadores estão convocados para marchar em unidade e cobrar a valorização e qualidade da educação pública no Maranhão, não podemos desistir e sim resistir.

Com Informações: https://www.sinproesemma.org.br

Categoria: Notícias