Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

ACONTECEU: ‘Sem ele, não teria havido a Lava Jato’, afirma Moro sobre Teori

Federal Judge Sergio Moro speaks during a business meeting promoted by Business Leaders Group (LIDE) in Sao Paulo Brazil on September 24 2015. Moro is in charge of the investigation on oil giant Petrobras corruption scandal. AFP PHOTO / Nelson ALMEIDA (Photo credit should read NELSON ALMEIDA/AFP/Getty Images)


Juiz ressaltou a firmeza do ministro na ‘aplicação da lei, independente dos interesses envolvidos, ainda que poderosos’; Janot diz que Teori nunca hesitou


Por Rafaela Lara

O juiz Sergio Moro, responsável pela Lava Jato, disse que o ministro Teori Zavascki é “um herói brasileiro” e que “sem ele, não teria havido a Operação Lava Jato”. Zavascki era o relator da operação no Supremo Tribunal Federal (STF).

“Estou perplexo. Minhas condolências à família. O ministro Teori Zavascki foi um grande magistrado e um herói brasileiro. Exemplo para todos os juízes, promotores e advogados deste país. Sem ele, não teria havido a Operação Lava Jato”, disse o juiz.

Ele afirmou, ainda, que espera que “seu legado, de serenidade, seriedade e firmeza na aplicação da lei, independente dos interesses envolvidos, ainda que poderosos, não seja esquecido.”

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, afirmou que Teori “não hesitou” ao decidir questões relativas à Lava Jato. “Na relatoria da operação, o ministro não hesitou em adotar medidas inéditas para a Suprema Corte, a pedido do Ministério Público Federal”, afirmou Janot por meio de nota.

“É inegável e inquestionável a grande contribuição que o ministro Teori Zavascki deu ao estado democrático de direito brasileiro a partir de sua atuação como magistrado”, finalizou.

Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) publicou nota em que diz que Teori “se destacou pela seriedade, brilhantismo e tranquilidade na defesa do Poder Judiciário e de todas as instituições brasileiras”. Calheiros completou dizendo que o Brasil e o meio jurídico “perderam um dos seus maiores expoentes” e que roga pelo “rápido esclarecimento das causas desse trágico acidente.”

FONTE: http://veja.abril.com.br/

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.