Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

CIÊNCIA: 10.000 anos depois, sabe-se que eram azuis os olhos do “homem de Cheddar”

Esqueleto mais antigo descoberto na Grã-Bretanha tinha olhos azuis mas o cabelo era escuro e a pele negra, o que prova que a pele clara dos europeus se terá desenvolvido mais tarde do que se julgava

O “homem de Cheddar” morreu há 10.000 anos, por isso já não se lhe veem os olhos, mas cientistas britânicos que estudaram o seu esqueleto, encontrado numa caverna em Inglaterra afirmam que seriam azuis, e a pele escura.

Os investigadores tiraram uma amostra do crânio descoberto numa gruta em Cheddar Gorge, no sudeste de Inglaterra, parte do esqueleto completo mais antigo já descoberto na Grã-Bretanha.

Estudando o ADN, concluíram que o homem teria olhos azuis, cabelo encaracolado escuro e pele “escura a negra”, considerando que isso prova que o tom de pele mais claro dos Europeus se desenvolveu mais tarde do que o que se pensava.

A história da investigação será contada num documentário a transmitir pela estação Channel 4 da televisão britânica.

 

Patrocinador Oficial

 

FONTE: https://www.dn.pt/sociedade

 

Categoria: Sem categoria

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.