Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

Notícias do Maranhão: De AGENTE para DETENTO…

Em questão de horas, agente penitenciário trocou de farda e mudou de lado na Penitenciária de Pedrinhas; Nas imagens ele aparece com o uniforme de trabalho, até então, em seguida, um detendo corta o cabelo do agora ‘colega’.

Agente penitenciário temporário do Complexo Penitenciário de Pedrinhas presenteou com um carro à esposa dias antes de ser preso por suspeita de tentar repassar celulares e drogas para detentos do Presídio São Luís (PSL) 3. Há suspeita que ele tenha beneficiado presos com objetos durante meses.

O agente penitenciário temporário Genilson Costa Gomes foi preso em flagrante com dez celulares e dez quilos de maconha na Penitenciária Regional de Pedrinhas, na manhã desta sexta-feira (5). De acordo com a Polícia Civil, ele estava tentando entregar o material aos presos.

O delegado Luiz Augusto Mendes, da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate a Corrupção (Seccor), disse a imprensa que já havia uma suspeita de que Genilson Costa estaria tendo contato com presos. “Há informações de que em dias anteriores ele teria passado uma sacola para um detento, o que gerou suspeita. Hoje, ele ia passar pelo scanner corporal, mas deu uma desculpa e foi para o alojamento, seguindo depois para o posto de trabalho. Com isso, os seguranças foram até o alojamento e vasculharam a mochila do agente. Dentro dela encontraram cinco celulares com carregadores e três pacotes de maconha, pesando cerca de meio quilo”, explicou o delegado, que agora investiga para quem seria entregue esse material.

Não seria a primeira vez que Genilson tentaria beneficiar presos com objetos, neste caso droga e celulares. Recentemente, ele deu um carro de presente à esposa, chegando a postar fotos em sua rede social. Há suspeita que a compra do carro tenha sido feita com dinheiro repassado por detentos. Tudo isso deve ser apurado nas investigações sobre as ações do agente preso

E MAIS…

Genilson Costa Gomes trabalhava como agente temporário há mais de um ano. Após ser apresentado na Seccor, Genilton foi encaminhando para a Central de Triagem de Pedrinhas.

Ele irá responder por tentativa de tráfico de drogas e pelo crime de inserção de aparelho celular no ambiente prisional.

Por meio de nota, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP) afirmou que o servidor temporário será exonerado.

FONTE: https://www.domingoscosta.com.br/

Categoria: Sem categoria

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.