Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

MOTIVO DO CRIME: Venda de gados foi o motivo do assassinato de Nenzim em Barra do Corda

Aonde tá esse vaquerin preso ou foragido? Vaquerin mandou o vaqueiro apertar o gatilho

O secretário de Segurança, Jefferson Portela, que havia informado para alguns delegados da capital a prisão de Mariano Júnior e a confissão do assassinato do próprio pai, o ex-prefeito de Barra do Corda, Nenzim, teve que admitir agora à noite que a polícia vacilou e deixou o principal acusado fugir. A polícia sabia desde ontem da autoria do crime e seu mandante, tanto que pediu e foi acatada a prisão de três pessoas. Só duas foram presas: David, que lavou o carro depois do crime, e Luzivan, funcionário de Júnior.

O ex-prefeito de Barra do Corda Manoel Mariano de Souza, o Nenzim, estava indo conferir gados quando foi assassinado.

Segundo o secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferon Portela, uma venda de animais, feita pelo filho, Júnior do Nenzim  o vaquerin, foi o motivo do assassinato.

O negócio teria sido concretizado sem o conhecimento do patriarca, para o pagamento de dívidas de campanha. Mariano Júnior-PV, “VAQUERIN” foi candidato a prefeito de Barra do Corda em 2016.

Ao dirigir-se a uma fazenda para conferir as cabeças de gados, Nenzim acabou sendo morto.

Nenzim foi executado com um tiro no pescoço. Quem efetuou o disparo foi o vaquero “Luzivan” que trabalha para Mariano Júnior o (vaquerin) ambos estavam no carro.

Vaquerin está foragido, porém existem informações de que ele estaria preso no Quartel da PM de Barra do Corda.

Uma multidão faz plantão na porta da delegacia em Barra do Corda

 

FONTE: http://www.andreimprensa.com.br

Categoria: Sem categoria

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.