Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

Caxias em Detalhes: A hora da decisão

 

O prefeito de Caxias Fábio Gentil precisa urgentemente definir um ponto de apoio para seu novo governo e refletir qual rumo tomar ao longo desses 4 anos de sua gestão. A indefinição entre o grupo ligado aos Sarneys e ao grupo do atual governador Flávio Dino, pode lhe custar muito caro ao longo do tempo.

Qual caminho seguir?

Se o atual prefeito optar pelo grupo de Roseana Sarney, terá que estar preparado para administrar o município de Caxias de forma minguada e sem perspectiva de sucesso, pelo menos nos próximos 2 anos, em outras palavras, ele terá que se virar com os recursos próprios e peregrinar por Brasília em busca de sustentação aos seus projetos para o município. Se por outro lado, escolher se aliar ao grupo de Flávio Dino, tem que ser muito hábil para poder conter as arestas no seu próprio grupo, mas é como se diz na política, se ganha com uns governa-se com outros, e se tiver que tomar uma decisão, terá que ser agora.

O Futuro

Nada é descartado em política, não é utopia imaginar Fábio Gentil e Humberto Coutinho juntos num espaço muito curto de tempo. As eleições de 2018 será um elo entre o “bem e o mal”, Agir de forma radical, pode ser fatal para Fábio Gentil.

O tempo é o senhor da razão

Parte da  equipe de governo  do atual prefeito, já é sabatinada nas rodas de conversas de Caxias, porém, o titular do blog acha muito cedo a avaliação negativa. Em alguns seguimentos de sua equipe, o tempo, nesse quesito será o ponto chave para Fábio Gentil separar o joio do trigo ainda esse ano. Algumas peças nesse tabuleiro, postas na mesa pelo atual prefeito, soa como um pai que não quer desamparar seus filhos depois dos dias ruins. Nesse aspecto, é positivo sua atitude, porém, gerenciar é um assunto muito sério, qualquer erro ou antipatia reflete no atual gestor. Foi assim com seu antecessor e com outros que não souberam ouvir a voz do povo e caíram em desgraça pelo eleitorado, que, diga-se de  passagem, não perdoa.

Categoria: Sem categoria

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.