Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

CODO EM FOCO: Acidente envolvendo van e caminhão deixa mortos na BR 316


Duas pessoas morreram no local.

Um acidente na BR-316, na ponte do Codozinho, próximo à localidade Km 17, em Codó, deixou pelo menos uma pessoa morta e passageiros feridos. O acidente aconteceu no começo da manhã desta quarta-feira (14). Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi até o local para apurar mais informações.
Segundo testemunhas, o acidente aconteceu após colisão entre uma Van, (que faz a linha Pedreiras – Teresina) e um caminhão. De acordo com os relatos, o motorista da van e mais dois passageiros morreram no local, preso as ferragens.

Os outros passageiros foram levados a hospitais da região.




Fonte: http://www.maranhaonews.net//  Via Jornal Pequeno

Codó em Foco: Francisco Nagib apresenta oficialmente seus secretários; saiba quem são…

                                                              Nagib apresenta seus secretários

O prefeito eleito Francisco Nagib (PDT) anunciou e apresentou seu secretariado na manhã desta terça-feira (13) no salão de eventos do FC Hotel. Agora é, portanto, oficial a composição dos gestores das 08 secretárias remanescentes das 16 atuais do governo Zito Rolim.

Apesar de terem sido reduzidas, os serviços não foram extintos. As secretarias que deixam este status, a partir de janeiro, passarão a ser departamentos conforme o Blog já havia adiantado. Porém, sabe lá como, a Administração, atualmente comandada por Délia Assen, volta a ser secretaria e sem alteração sobre a gestão da pasta.


Segue abaixo a lista completa dos secretários do governo Francisco Nagib para 2017-2020.

FRANCISCO NAGIB – prefeito

RICARDO TORRES – vice-prefeito

IVALDO JOSÉ DA SILVA – secretário de finanças e planejamento


DELIA BERNARDA NUNES ASSEN – secretária de administração

AURILÍVIA BARROS – secretária de saúde

ANTÔNIO JOAQUIM ARAÚJO NETO – secretário de agricultura

AGNES BACELAR OLIVEIRA – primeira-dama e secretária de desenvolvimento social, do direito da mulher, de segurança alimentar e igualdade racial

FRANCISCO ROBERTO ALBUQUERQUE (COBEL) – secretário de meio ambiente e desenvolvimento urbano e rural (atuais secretarias de meio ambiente, infraestrutura e serviços públicos)

JOÃO DE DEUS SOUSA (PLÁSTICOS) – secretário de governo, esportes, cultura, juventude e desenvolvimento econômico (atual secretaria de indústria e comércio)

DEUZIMAR SERRA – secretária de educação

Algumas das pastas, das anunciadas anteriormente e em primeira mão pelo Blog, tiveram que passar por alterações e/ou adequações. Araújo Neto que estava cotado para a Agricultura e Indústria e Comércio, ficou mesmo só com a Agricultura. João dos Plásticos, além de receber a Indústria e Comércio que agora será Desenvolvimento Econômico, também recebeu a Juventude que, estava prevista para a Educação.

Até aí tudo bem, no entanto, a estranheza mesmo fica por conta da Igualdade Racial que segue um departamento, mas não ligada à Cultura que seria o natural, mas sim fundida à Secretaria de Assistência Social, que agora será Desenvolvimento Social e mais outros departamentos. Quanto a Administração, como citamos acima, Délia parece que se impôs e, de fato, não aceitou ser subordinada. esta, conseguiu manter seu status e vai continuar dominando este setor estratégico de uma gestão pública.


                                                                Secretária de Saúde, Aurilívia Barros


Outra surpresa veio para o setor de saúde. A secretária, que não compareceu ao encontro no período da manhã, será Aurilívia Barros, particularmente não a conheço, o que não quer dizer nada, o importante e o que deve ser mensurada é a competência.

Segundo o prefeito Nagib, a exemplo da secretária de educação, a de saúde também tem um gabarito a altura. Aurilívia Barros tem influência junto ao governo do Estado e já foi secretária em outros municípios e é enfermeira por formação.

Para o segundo escalão, que aqui vamos classificar como os sub-secretários – aqueles que cuidarão das secretarias que se transformaram em departamento, a maioria virá da administração do prefeito Zito Rolim. Augusto Serra permanece na Cultura, agora subordinado à secretaria de Governo (João dos Plásticos), Júnior Goiabeira (Esportes), dentre outros que traremos numa próxima postagem.

Fonte: http://correiocodoense.com.br/

NOTÍCIAS DA NOITE: ‘Ela era ambiciosa’, diz irmã da vítima sobre a ‘viúva da Mega-Sena’

Parentes de Renné Senna acompanham o julgamento de Adriana Ferreira Almeida

Começou nesta terça-feira (13) o julgamento de Adriana Ferreira Almeida, que ficou conhecida como a “viúva da Mega-Sena”. Familiares de Renné Senna, a vítima, acompanham de perto o júri, que acontece no Fórum de Rio Bonito, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Adriana é acusada de ser a mandante do assassinato de Renné, ocorrido em 2007, dois anos depois de ele faturar R$ 52 milhões na Mega-Sena.

De acordo com o jornal Extra, Mirian Senna, irmã de Renné, acredita que o irmão tenha sido morto a mando da ex-cabeleireira e que ela dificultava o acesso dos familiares ao sítio onde ele morava, em Rio Bonito.

“Queremos que a justiça seja feita, já que a vida dele não podemos ter de volta. Só vamos arredar o pé daqui quando houver uma solução. Ele dizia que ela era muito ambiciosa, que não parava em casa, que não cuidava dele. Ela tomava conta de tudo, tinha todas as informações dele. Estava com a faca e o queijo na mão para fazer o que quisesse. Por mim, poderia ter levado o dinheiro e deixado meu irmão”, disse Mirian ao Extra.

O julgamento deve durar três dias. Oito testemunhas de acusação e 15 de defesa devem participar do júri.

FONTE: https://www.noticiasaominuto.com.br

Caxias na relação das Prefeituras que desviaram 300 MILHÕES



Grajaú, Viana, Timon, Caxias, Coroatá, São José de Ribamar, Peritoró, Rosário, Presidente Dutra, Arari, São Mateus, São Domingos do Maranhão, Santa Helena, Santa Rita, Chapadinha, Paço do Lumiar e Matinha




A lista de Prefeituras que estão sendo investigadas pela operação Cooperare é grande, segundo o Ministério Público do Maranhão. Contudo, as primeiras investigadas são as de Grajaú, Viana, Timon, Caxias, Coroatá, São José de Ribamar, Peritoró, Rosário, Presidente Dutra, Arari, São Mateus, São Domingos do Maranhão, Santa Helena, Santa Rita, Chapadinha, Paço do Lumiar e Matinha.

Segundo o Ministério Público, houve irregularidades na contratação da Cooperativa Maranhense de Trabalho e Prestação de Serviços – COOPMAR com estas prefeituras municipais. A cooperativa atuava na execução de serviços de transporte, limpeza, vigilância e outros serviços gerais em prefeituras de municípios do estado.

Durante as investigações e a partir das solicitações feitas pela CGU, já foi possível recuperar mais de R$ 3 milhões em contribuições previdenciárias que haviam sido descontadas dos trabalhadores, mas não eram declaradas e nem recolhidas para a Previdência Social.

Entenda o caso

As investigações do Ministério Público apontaram que as prefeituras maranhenses estavam envolvidas em um esquema que desviou cerca de R$ 170 milhões dos cofres públicos. Segundo representação do órgão, houve irregularidades na contratação da Cooperativa Maranhense de Trabalho e Prestação de Serviços – COOPMAR e mais de 10 empresas.

Ainda durante as investigações, foi apurado que a empresa envolvida no esquema, ao longo de três anos, recebeu repasses de prefeituras na ordem de R$ 230 milhões.

Estão sendo cumpridos 14 mandados de busca e apreensão em residências e empresas nos municípios maranhenses de São José de Ribamar, São Luis e Paço do Lumiar. Foram bloqueadas contas de 15 pessoas físicas e jurídicas, além do sequestro e da indisponibilidade de oito imóveis e 11 veículos dos envolvidos. A operação conta com a participação de 45 policiais civis, 13 auditores da CGU, dois promotores de Justiça e 8 servidores do MPMA. Cerca de R$ 38 milhões devem ser apreendidos até o fim da operação.

A investigação também apurou que alguns cooperados dirigentes receberam, diretamente ou por meio de suas empresas, cifras milionárias, enquanto a maioria dos trabalhadores recebia um salário mínimo mensal. Durante as investigações e a partir das solicitações feitas pela CGU, já foi possível recuperar mais de R$ 3 milhões em contribuições previdenciárias que haviam sido retidas dos trabalhadores, mas não eram declaradas nem recolhidas aos cofres da Previdência Social.

Como funcionava

Segundo as investigações, as prefeituras contratavam a COOPMAR, que não tinha estrutura de cooperativa com divisão de lucros, mas sim de uma empresa comum. O esquema era montado para que pudessem participar apenas cooperativas e por ser uma cooperativa de fachada era a única empresa a vencer os processos de licitação.

Um pequeno grupo da cooperativa se beneficiava com os recursos milionários por meio de suas empresas, enquanto a maioria dos trabalhadores recebia um salário mínimo mensal.

Há indícios de montagem de licitação, além de pratica de subdimensionamento de valor a ser pago por profissional com a intenção de afastar os interessados e direcionar o objeto da contratação.


Investigações

As investigações começaram depois que o Ministério Público verificou que a COOPMAR aparecia como a empresa mais contratada para execução de serviços de limpeza e outros serviços gerais em prefeituras do estado por meio da contratação da cooperativa.

A análise das notas emitidas pela CGU apontou ainda que houve admissibilidade inapropriada de participação de cooperativa, superdimensionamento da quantidade de profissionais terceirizados, ausência de publicação da convocação, termo de referência incompleto, ambíguo e impreciso e outras exigências que comprovem autenticidade.


FONTE: filipemota.com.br

Esporte: Jogador do Botafogo ostenta na web com maços de notas de R$ 50


Sassá publicou foto em que segura o provável bicho pela classificação à Libertadores

O atacante Sassá foi protagonista de um verdadeiro papelão na partida do Botafogo contra o Grêmio, no domingo, ao trocar empurrões com um companheiro de equipe, Airton, que acabou expulso.

Ainda assim, com a vitória por 1 a 0 que garantiu o Fogão na Libertadores, o jogador esqueceu o momento bizarro e foi às redes sociais ostentar: ele aparece em foto sem camisa, segurando maços e mais maços de notas de R$ 50, que podem ser o bicho pela conquista da vaga no torneio continental.
Fonte:https://www.noticiasaominuto.com.br

Aconteceu: Uma história macabra



Um boato está circulando há 4 dias nas redes sociais sobre um grupo de crianças que supostamente teriam sido sequestradas no México  e que seus órgãos teriam sidos retirados para serem vendidos no mercado negro. Felizmente, a notícia tem várias características de que não é verídica,  pois  a mesma além de conter variantes em cada informação, apresenta um caráter apelativo que busca apenas viralizar na net. Com isso, buscou uma notícia macabra para se auto promover, basta dar uma pesquisada rápida nas fontes e observa-se  que a notícia não encontra respaldo em jornais de grande circulação no mundo.

Veja a matéria que circula nas redes sociais.

O caminhão foi preso em uma operação realizada pela polícia militar da cidade, que ao avistar o veículo pediu para o mesmo parar, para que eles pudessem avaliar a carga. Mas o motorista ficou nervoso e acelerou o caminhão. A Polícia Militar perseguiu e ordenou que o motorista parasse.  Ao verem o que tinha no interior foram surpreendidos!

Foram encontradas várias crianças mortas. Imediatamente eles acionaram agentes especializados para transportar os corpos das crianças. Descobriram que as crianças mortas não tinham mais os órgãos.





A Polícia Militar conduziu o motorista de nome “Javier Guzman Torres”.Guzman tem 38 anos de idade. Ele disse que não era culpado de matar as crianças e remover os órgãos, disse que estava apenas conduzindo as mesmas, porque foi contratado para fazer o transporte e que os nomes dos responsáveis contratantes são; Oscar Castro Herrera 42 anos, Carlos Vargas 36, Armando Cabrera Cabrera 29.

Conclusão

Até o momento nenhuma autoridade se apresentou para comentar as imagens e os supostos corpos sem os órgãos.



ACONTECEU EM BRASÍLIA: Senado aprova PEC do teto por 53 votos a favor e 16 contra



Proposta de emenda constitucional estabelece um limite dos gastos públicos para os próximos 20 anos

O Senado aprovou, nesta terça-feira (13), por 53 votos a favor e 16 contra, o segundo turno da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que estabelece um teto para os gastos públicos para os próximos 20 anos.


A PEC já havia sido aprovada em primeiro turno pelo Senado, por 61 votos a 14, em 30 de novembro. Mas, por se tratar de uma mudança na Constituição, o texto ainda precisava passar por uma segunda votação. As informações são do G1.

Considerada por governistas como essencial para o reequilíbrio das contas públicas, é duramente criticada por senadores da oposição, sendo, inclusive, apelidada de “PEC da maldade”.

Durante a votação desta terça, menifestações foram registradas em pelo menos sete Estados do país.

FONTE: https://www.noticiasaominuto.com.br

DIRETO DE BRASÍLIA: Dois mil policiais reforçam segurança na Esplanada para votação de PEC


Proposta de emenda constitucional será votada nesta terça-feira em segundo turno

Com a possibilidade de manifestação por causa da votação da PEC dos gastos públicos, nesta terça-feira (13), no Senado, o trânsito na Esplanada dos Ministérios volta a ser bloqueado. A justificativa do governo é proteger, além dos cidadãos, os patrimônios públicos e privados, durante o protesto. O bloqueio começa na altura da Rodoviária do Plano Piloto e segue até a L4 Sul, nos dois sentidos do Eixo Monumental.

Segundo informações do portal G1, durante a interdição, a recomendação é para que os motoristas utilizem as vias N2 e S2, que são paralelas ao Eixo Monumental e passam por trás dos anexos. 

Como aconteceu durante outras manifestações na capital federal, policiais militares também farão revistas pessoais nos manifestantes e em passageiros dos ônibus que vão desembarcar na Esplanada, que só poderão ocupar o gramado central do local. 

O efetivo da Polícia Militar que vai estar na Esplanada pode chegar a 2 mil homens e mulheres. Cerca de 60 bombeiros militares e 20 agentes do Detran também estarão de prontidão.

FONTE: https://www.noticiasaominuto.com.br/

Notícias da Ilha: Comoção no sepultamento de João Castelo em São Luís


                     Familiares, amigos e admiradores participam do sepultamento do deputado federal João Castelo


Foi enterrado no fim da tarde desta segunda-feira (12), no Cemitério Parque da Saudade, o corpo do ex-governador e deputado federal, João Castelo (PSDB). O sepultamento foi seguido por uma multidão, que acompanhou o cortejo de cerca de dois quilômetros da Assembleia Legislativa do Maranhão até o Cemitério Parque da Saudade, no bairro Vinhais.

Em frente ao túmulo, se acomodaram em uma tenda para assistir à cerimônia familiares, os filhos, amigos de João Castelo, assim como outras autoridades. Mas o caixão foi rapidamente sepultado, após o toque fúnebre de trombeta.

O corpo do deputado federal João Castelo (PSDB) começou a ser velado às 9h da manhã desta segunda-feira (12), no plenário da Assembleia Legislativa do Maranhão. O caixão chegou em cortejo às 11h10 no local do velório. Sob aplausos, o corpo de João Castelo foi retirado do veículo da funerária e levado direto para o plenário onde começou a ser velado por familiares e amigos mais próximos.


                                                                                   Deputado João Castelo

O corpo de João Castelo deixou a Assembleia Legislativa do maranhão por volta das 16h20, depois de sete horas de velório, em um carro do Corpo de Bombeiros. As filas dos admiradores que queriam ver o caixão de perto ainda estavam enormes no momento. João Castelo morreu na manhã deste domingo (11), no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, após falência múltipla dos órgãos em decorrência de complicações causadas ´por uma cirurgia no coração.
Natural de Caxias, distante 281 km de São Luís, João Castelo Ribeiro Gonçalves estava no terceiro mandato como deputado federal. Foi prefeito de São Luís entre 2009 e 2012. Antes, governou o Maranhão de 1979 a 1982. Foi também senador de 1983 a 1991.

Foi durante seu governo no estado que a ponte Bandeira Tribuzzi, o Estádio Castelão (nome alusivo ao próprio governador) e a Italuís foram construídos, assim como Conjunto Maiobão, Cohatrac e Cidade Operária. O Hospital do IPEM (Dr. Carlos Macieira) foi outra obra de sua gestão como governador. Ele foi presidente também do Banco da Amazônia (BASA) em 1970.

Fonte: Luís Pablo (Com informações do G1MA)

FAMOSOS: Executivo da TV Brasil relata demissão: “Leda Nagle fez um show”

Rimoli ainda aproveitou o espaço para comentar a comoção da classe artística com a demissão de Nagle

O presidente da EBC (Empresa Brasil de Comunicação), Laerte Rimoli, responsável pela TV Brasil, resolveu se pronunciar sobre a polêmica demissão de Leda Nagle da emissora. A jornalista deixou o ‘Sem Censura’ na última quarta (7). O executivo falou sobre o assunto publicamente em sua conta no Facebook, nesta segunda (12).

“Comunicamos à jornalista Leda Nagle que a empresa não poderia manter, em 2017, o contrato dela, da forma como estava R$ 1,3 milhão ao ano. Nos meses de janeiro e fevereiro, os programas eram gravados e a profissional desfrutava de 60 dias de folga. Neste ano de 2017, uma novidade: Leda recebeu um generoso convite de um amigo (relato dela) e ficaria mais duas semanas fora, em março, para conhecer Dubai. Presentes à reunião, o Superintendente da TV Brasil, jornalista Caíque Novis, a Diretora de Produção, jornalista Cida Fontes e o assessor jurídico da EBC, Marcelo Nascimento. Ela entrou na sala, perguntou quem era o Caíque e disparou: o programa está ótimo, não precisa de mudanças. Quando eu disse o contrário, o mundo desabou. Você está me demitindo, gritou, furiosa. Cida tentou argumentar: seria uma prorrogação de 2 meses, até 5 de janeiro e um novo contrato, semelhante ao que temos com a jornalista Roseann Kennedy, seria discutido pelas partes”, começou Laerte no relato.

“Aí Leda foi a Leda que todos conhecemos: ‘Não sou Roseann Kennedy, tenho 40 anos de profissão. Você sempre quis me demitir, Cida Fontes, não entende nada de televisão. Não vou brigar com você, Laerte, que é meu amigo (imagina se não fosse). Os concursados da EBC são incompetentes, desinformados, não gostam de trabalhar’. Levantou-se, parou em pose dramática na porta da sala e pespegou: ‘vou tornar isso público'”, prosseguiu no post.

Rimoli ainda aproveitou o espaço para comentar a comoção da classe artística com a demissão de Nagle.

“É comovente ver a reação dos amigos, jornalistas, artistas que a apoiam. Cegamente, sem ter informações do outro lado (regra básica do bom jornalismo). Torço, do fundo d’alma, para que Leda Nagle encontre seu rumo. Amigos, com certeza, não lhe faltarão. De minha parte, tenho a obrigação de mudar a lógica perversa de que o dinheiro público existe para ajudar amigos e apaniguados. Respeito orçamento e acato os alertas que as áreas técnicas fazem sobre o futuro da empresa. Preocupante, como preocupantes estão as contas do país”, finalizou.

FONTE:https://www.noticiasaominuto.com.br