Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

Esporte: Jogador é agredido com chutes e socos na cabeça até cair desmaiado. Veja o Vídeo

Zagueiro Mateus foi agredido com chutes e pontapés

No final do Campeonato Amazonense juvenil teve de tudo, menos futebol. Após o Sul América abrir dois gols de vantagem e reverter o placar adverso do Nacional na partida de ida, uma confusão generalizada tomou conta do jogo. Resultado: um jovem do Sul América foi agredido com chute na cabeça e, sem ambulâncias ou policiamento no estádio, acabou sendo encaminhado desacordado ao hospital pelos próprios pais.

A confusão começou a três minutos do apito final, quando o Sulão abriu 2 a 0 (placar necessário para o título) e, com isso, reverteu a vantagem do Leão, que tinha vencido por 3 a 2 no jogo de ida, e consagrava, ali, o caneco. No momento do feito, os jovens foram provocar o banco rival, com direito a gestos obscenos. Foi aí que jogadores e comissão técnica do Naça partiram para cima, principalmente do zagueiro do Sul América, Mateus Galvão. Ele foi agredido com socos e pontapés na cabeça. Em um dos mometos, dá pra ver o jogador Jhony que, inclusive, estava suspenso e assistia a partida das arquibancadas, golpeando a vítima.

O zagueiro então precisou ser socorrido e levado ao hospital e Pronto Socorro João Lúcio, na Zona Leste de Manaus. Como não havia policiamento ou ambulâncias, foram os próprios companheiros que assumiram a “bronca”.

Zagueiro Mateus foi agredido com chutes e pontapés (Foto: Arlesson Sicsú)

Depois de ser atendido, ele foi levado ao Instituto Médico Legal para fazer exame de corpo de delito e, na sequência, registrar Bolotim de Ocorrência.

Vandalismo a carro de árbitro

Além da agressão física, o carro do árbitro da partida, Ivan da Silva Guimarães Júnior, foi vandalizado. “Torcedores”, indignados porque foram dados cinco minutos de acréscimos e a partida foi encerrada por falta de segurança após a confusão, riscaram com chave o aumóvel. Os dizeres constavam: Ladrão, FDP.

O carro do árbitro Ivan da Silva Guimarães Júnior foi riscado pela torcida( Foto: Divulgação).

Clubes sem estrutura

De acordo com o diretor de competições da Federação Amazonense de Futebol (FAF), Ivan da Silva Guimarães, os clubes não tem dinheiro para pagar a segurança das partidas. Por isso, ainda segundo ele, não havia policiamento ou ambulância.

O problema é que para você fazer uma partida de futebol com todo o aparato tem custo, e os clubes não querem ter custos. Eles não têm como pagar isso – justificou o dirigente.

VEJA VÍDEO

FONTE: http://www.limaalves.com.br

Categoria: Sem categoria

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.