Repasse Informativo | Marcos Monteiro - Repasse Informativo Caxas-MA, O Blog do Marcos Monteiro.

Maranhão: Mentira de filha quase leva o pai as Pedrinhas

Acusado injustamente pela própria filha de estupro, o técnico em refrigeração, João Thiago, foi posto em liberdade após exames onde foi constatado que não houve conjugação carnal. O caso ocorreu na cidade de Peritoró e tomou dimensão por todo o estado do Maranhão e estados vizinhos, vários meios de comunicação divulgaram amplamente o caso, alguns já mostraram a versão do pai, outros ainda não se manifestaram. Segundo João Thiago, a jovem vez por outra se revolta com ele e faz acusações infundadas. O técnico é bastante conhecido e admirado pela população por sua conduta de simplicidade e honestidade. Além da acusação de estupro, a menor de 16 anos também disse que tentou o suicídio.

O porquê?

Veja o que motivou a jovem no trecho da reportagem exibida no blog do Luís Cardoso.

Esta não foi a primeira vez que a adolescente faz acusações contra o próprio pai. A desavença entre os dois vem desde Roraima, quando o pai ganhou na Justiça a guarda da filha e a mãe dela, que era viciada em drogas, morreu.

A filha, que usa droga, é acusada pelo pai e madrasta de fazer a casa onde moram de bordel, levando rapazes para a prática sexual. Lá também residem duas meninas, uma de 9 anos, e outra de 12 anos. Por isso, dois dias antes das acusações da adolescente, decidiram que ela não moraria mais na casa deles.

Foi o suficiente para a menor inventar a monstruosidade. Depois da injustiça, o trabalhador voltou à rotina normal e foi apoiado pela esposa que não acreditou na versão contada pela adolescente. E lamenta ter ficado preso por um crime que ele não cometeu.

O Blog do Luís Cardoso, a exemplo de vários outros e de redes sociais, divulgou a prisão, mas decidiu retirar do ar assim que a verdade foi restabelecida.

Com informações do Blog Luís Cardoso

 

 

 

 

 

Categoria: Sem categoria

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.